Esperança: O Motor que nos impulsiona

Esperança: O Motor que nos impulsiona Romanos 15, verso13. A esperança é o que nos motiva a continuar servindo, mesmo diante de desafios ou desânimo…

Esperança: O Motor que nos impulsiona – Romanos 15, verso13.

A esperança é o que nos motiva a continuar servindo, mesmo diante de desafios ou desânimo. É a esperança no Senhor que renova nossas forças, nos permite sonhar com um futuro segundo os propósitos de Deus e nos mantém firmes em nosso caminho.

Todos na igreja são encorajados a cultivar uma esperança viva, que não se abala com as circunstâncias, mas se mantém firme na promessa de que o melhor de Deus ainda está por vir. A reflexão de hoje enfatiza o papel vital da esperança no serviço cristão, especialmente em meio a adversidades.

Vamos destrinchar o tema para uma compreensão mais profunda.

Esperança como Motivação –A esperança é descrita como a força motriz que nos encoraja a continuar nosso serviço e ministério, mesmo quando enfrentamos desafios ou desânimo. Isso sugere que a esperança não é uma mera expectativa otimista, mas uma fonte de poder espiritual que nos permite perseverar.

Qual Fundamento da Esperança?A nossa esperança está “no Senhor”. Essa não é uma esperança baseada em circunstâncias voláteis ou em promessas humanas, mas na natureza constante, no caráter fiel de Deus, e nas Suas promessas imutáveis. Romanos 15, verso 13 revela que Deus é a fonte de toda esperança.

A esperança em Deus tem o poder de renovar nossas forças. Isso implica que, mesmo quando nos sentimos esgotados ou desanimados, a esperança baseada na fidelidade de Deus pode revigorar nosso ânimo e nossa capacidade de continuar servindo. Ela nos dá a resiliência necessária para enfrentar adversidades.

A esperança nos leva a Sonhar com um Futuro segundo os Propósitos de Deus, pois ela nos permite visualizar e ansiar por um futuro que esteja alinhado com os propósitos divinos. Isso significa que nossa esperança não é para benefício próprio, mas está em harmonia com o que Deus deseja realizar em nós e através de nós.

Ela nos inspira a sonhar e trabalhar por um mundo que reflita o reino e os valores de Deus. A esperança nos mantém firmes em nosso caminho, não nos deixando abalar pelas circunstâncias. Isso mostra a esperança como um âncora (Hebreus 6, verso 19), que nos mantém estáveis e seguros, mesmo quando as tempestades da vida tentam nos desviar.

O texto nos faz um apelo específico para que cultivemos essa esperança viva. Isso sugere um reconhecimento do papel crucial que todos desempenham na comunidade de fé e um incentivo para que se apoiem na esperança divina como fundamento para seu serviço e ministério.

Em resumo, a reflexão destaca a esperança como um elemento essencial na vida cristã, especialmente no serviço à igreja e à comunidade. A esperança em Deus é apresentada não apenas como um sentimento passivo, mas como uma força ativa que renova, motiva e sustenta os crentes em sua jornada de fé, permitindo-lhes enfrentar desafios e trabalhar para o cumprimento dos propósitos divinos.

Queridos. Que nas encruzilhadas da vida, a sabedoria trazida pela graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo estejam com vocês e ilumine os vossos caminhos. amém.

Ministração Rev. Pinho Borges

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *