Reflexões na dor e no luto: Lições para a vida eterna.

Hoje meditaremos na sabedoria contida em Eclesiastes 7, verso 2. “Melhor é ir à casa onde há luto do que ir à casa onde há banquete, pois naquela se vê o fim de todos os homens; e os vivos que o tomem em consideração.”

“Reflexões na dor e no Luto: Lições para a Vida Eterna”

Queridos. Hoje meditaremos na sabedoria contida em Eclesiastes 7, verso 2. “Melhor é ir à casa onde há luto do que ir à casa onde há banquete, pois naquela se vê o fim de todos os homens; e os vivos que o tomem em consideração.”

A Bíblia nos chama a considerar o fim de todos os homens, especialmente quando nos encontramos em meio ao luto. Apesar de não parecer, há benefícios significativos ao visitar uma casa enlutada.

1º Reflexão sobre a Vida com Deus. Ao participarmos de um funeral, somos confrontados com a realidade da finitude da vida terrena. Isso nos leva a refletir sobre a nossa própria vida diante de Deus, perante quem todos prestaremos contas um dia. É uma oportunidade de avaliar nosso relacionamento com o Criador, questionar se estamos vivendo de acordo com Sua vontade e se nossa fé está firmada na esperança da vida eterna.

2º Avaliação dos Relacionamentos. Funerais também nos fazem refletir sobre a importância dos nossos relacionamentos. Muitas vezes, lamentamos a falta de tempo para reconciliações, para expressar amor e perdão. Testemunhamos pessoas carregando remorsos pela ausência de oportunidades de restaurar posições e atitudes em relação aos outros. A Bíblia nos adverte contra vivermos em conflito, especialmente com os membros de nossa família. É uma oportunidade de avaliarmos se há alguém com quem precisamos restabelecer a comunhão.

3º A Certeza da Salvação. Diante da realidade da morte, é crucial questionarmos a certeza de nossa salvação. O funeral nos lembra que todos enfrentaremos esse destino inevitável, e a eternidade depende da nossa posição diante de Cristo. O momento de pensar sobre a salvação é hoje, agora, pois amanhã pode não haver tempo. É um convite à reflexão profunda sobre nossa fé, arrependimento e aceitação do sacrifício redentor de Jesus.

4º A Urgência de Restabelecer Relacionamentos. A vida é efêmera, e a oportunidade de restabelecer relacionamentos não pode ser negligenciada. O luto nos instiga a olhar para além das mágoas e desavenças, buscando a reconciliação enquanto há tempo. Viver em paz com os outros é uma expressão tangível da vida cristã, e é nesses momentos que somos lembrados da urgência de promover a harmonia em nossos relacionamentos.

Queridos. ao visitar uma casa enlutada, não apenas oferecemos nosso apoio, mas também somos desafiados a refletir sobre a vida, a morte e a eternidade. Que possamos considerar o fim de todos os homens e aprender lições valiosas, não apenas para os momentos de luto, mas para toda a nossa jornada terrena.

Que, mediante essa reflexão, busquemos fortalecer nosso relacionamento com Deus, promover a paz em nossos lares e reavaliar a certeza da nossa salvação. Que o Senhor nos conceda discernimento e sabedoria para aplicar essas lições em nossa caminhada diária. Em nome de Jesus, amém.

Ministração Rev. Pinho Borges

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *