Pandemia aumenta a demissão de idosos

Pandemia aumenta a demissão de idosos

Conforme está sendo divulgado pelos órgãos da impressa a pandemia do Corana vírus está sendo responsabilizada pelo aumento de demissões trabalhista em todo país.

Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) que regula os pontos de trabalho do Ministério da Economia e confere os dados referentes aos vínculos trabalhistas, o desligamento de pessoas idosas representa um aumento de 25% com relação ao primeiro semestre de 2019, o que representa de 67 mil profissionais com idade superior a 65 anos saíram do mercado de trabalho.

O Caged também revelou que houve um aumento de 9% de demissões para o grupo etário de 50 a 64 anos, com quase 760 mil pessoas dispensadas ou pediram para sair neste mesmo período.

Isto é bastante preocupante porque mais uma vez o vazo quebra para o lado das pessoas idosas que além da pressão do isolamento social, da incerteza de quando vai poder retornar a viver com liberdade, vem o fantasma do desemprego que elemina para a maioria das pessoas idosos a única fonte de renda.

Como se não bastasse a ação letal do Corona vírus vamos ter de superar ansiedade, depressão, desemprego, ou outros males piores.

Rogamos a Deus, que nos deu a longevidade que nos livres de perdas trágicas.

http://bi.mte.gov.br/eec/pages/consultas/evolucaoEmprego/consultaEvolucaoEmprego.xhtmrelatorioSetor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *