O Cuidador de idoso e a regulamentação profissional

IDOSO EM FOCO – Na segunda-feira (13/09/2021), a Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos Deputados, realizou uma Audiência Pública para tratar da regulamentação da profissão de cuidador com a finalidade de valorizar a profissão. Pois a categoria reclama da falta de limites funcionais, como a jornada de trabalho e os baixos salários.

Com a crise sanitária provocada pelo Covid-19, muitos cuidadores de idosos perderam o emprego, porque as famílias não se sentiam seguras em receber diariamente os cuidadores, agravando-se ainda o fato de os mesmos não terem tido inicialmente a prioridade da vacina.

A regulamentação da profissão já consta da Classificação Brasileira de Ocupações (CBO) do Ministério do Trabalho, mas o projeto de regulamentação foi vetado pela Presidência da República em 2019, e o Congresso manteve o veto.

Para presidente da Associação dos Cuidadores de Idosos de Minas Gerais (ACI-MG), Jorge Afonso que em suas palavras disse que “o cuidador de idosos é importantíssimo para o Brasil que envelhece” e ressaltou que em políticas públicas para a pessoa idosa, o Brasil está muito atrasado.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *