INSS vai restringir assédio a empréstimos consignados

Carrousel, Últimas Notícias

Na última semana de 2018, comecei a receber telefonemas e mensagens de várias instituições oferecendo empréstimo consignado. Então disse a uma consultora. – Não posso contrair empréstimos consignados pois não sou aposentado. – Pode. O senhor já está aposentado, não lhe informaram? Perguntou ela. – Oi. Informam primeiro aos bancos? Perguntei. – Eles demoram informar, mas temos uma linha de crédito aberta para o senhor. Disse ela.

Agradeci e procurei me informar. Na realidade estava aposentado.

Por conta destes constantes assédios o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) decidiu mudar as regras para concessão de empréstimos consignados a fim de reduzir o assédio das instituições financeiras aos segurados. Segundo o INSS os bancos só poderão procurar o aposentado/pensionista para empréstimos depois de seis meses após o benefício. Caso o segurado deseje contrair o empréstimo deve ir ao banco onde está a conta e solicitar o desbloqueio, mas isso só pode acontecer depois de 90 dias depois de ter recebido do primeiro benefício.

A decisão do INSS se justifica porque muitas vezes os aposentados e pensionistas são informados, primeiro pelas instituições financeiras. Ou seja, antes do INSS informar ao segurado como foi o meu caso. E certamente evitará o uso de informação privilegiada. A atitude do INSS segue orientação do Ministério Público, que tem questionado esse assédio das instituições financeiras.

Deixe uma resposta