Enquanto há vida, há esperança

Enquanto há vida, há esperança

E acrescentou: Jesus, lembra-Te de mim quando entrares no Teu reino. Lucas 23:42. 

Há várias lendas sobre o ladrão arrependido, chamado Dimas. Uma delas o considera uma espécie de Robin Hood judaico, que roubava dos ricos para dar aos pobres. As Escrituras, porém, silenciam sobre sua vida criminosa.

O que teria levado Judas a se arrepender na undécima hora? E reconhecer Cristo como Salvador, enquanto o outro ladão não parava de blasfemar contra Jesus?
Seria Judas um iniciante na vida criminosa?
Teria sido Judas sido influenciado por más companhias?
Será que as palavras de Jesus na cruz o convenceu que Ele é o Salvador?

A Bíblia, nos diz que o Espirito Santo é que nos convence o homem do pecado e do juízo. Creio que foi isso que aconteceu com Dimas. Um uma situação desfavorável sentindo a aproximação externaliza a ação do Espirito Santo em sua vida. Arrepende-se e clama por salvação : “Senhor, lembra-Te de mim, ao entrares no Teu reino.”

Enquanto Dinas exaltava o Senhor, manifestando sua fé no Filho de Deus, e recebendo a certeza da salvação eterna, os discípulos medrosos, e desanimados diziam: “Ora, nós esperávamos que fosse Ele quem havia de redimir a Israel” (Lc 24:21).

Queridos. O texto em tela nos ensinam algumas lições.
a. Enquanto há vida, há esperança, pois nunca é tarde para se arrepender e confessar Jesus como Salvador. A salvação oferecida por Cristo desde a fundação é válida enquanto os batimentos do coração estiver no corpo.

b. Ao prometer a vida eterna, isso significa que os pecados são perdoados. Pois foi por isso que ele morreu em nosso lugar.

c. O perdão de Deus não nos livra das faltas sociais. Socialmente pagamos pelos nossos erros. Ao dizer para Dimas – Hoje mesmos estarás no reino dos céus. É como estivesse dizendo: “Dimas. Você se arrependeu, seus diante de Deus, Eu pago, na cruz, mas os pecados temporais, você terá de pagar, com a morte na sua cruz!”.

d. Que nem todos os arrependimentos que acontecem diante da morte, não acontecem por medo dos castigos eternos. Pois, enquanto há vida, há esperança.

Lembre-se de Dimas, mas não o imite deixando para se arrepender e clamar por salvação ao findar o labor da vida. Busque o salvador agora, talvez amanhã seja muito tarde. Hoje Cristo te quer libertar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *