China: Idosos, coronavírus, confinamento e divórcios

China: Idosos, coronavírus, confinamento e divórcios

China: Coronavírus, Confinamento e Divórcios

É crescente o número de idosos na China. Segundo estatística da Comissão Nacional de Saúde da China, em 2018, o país tinha 242 milhões de pessoas idosas o que representava 17,3%, da população. As previsões para o ano de 2050, é que o país terá aproximadamente 490 milhões de idosos, o que representará, cerca de 35% da população do país.
Todos sabem a covid-19 é letal para as pessoas idosas que são confinadas para se proteger da contaminação do vírus.
Notícias, oriundas da China dizem que a pandemia está sendo controlada e aos poucos, a vida está voltando ao normal. Enquanto no Brasil a situação é um caos logo no começo das infecções e mortes.
Mas o que haver coronavírus, confinamento e divórcios?
A impressa chinesa está associando o crescente número de pedido de divórcios após o período de quarentena. Está havendo uma presença além do normal, nos cartórios por aqueles que querem se divorciar.

O estresse do confinamento revelou que muitos casais não resistiram ao confinamento. Como por exemplo. Na cidade de Xiam, capital de Shaanxi, na China, que tem população estimada em 12 milhões de habitantes, os pedidos de divórcios bateram recorde nas últimas semanas, informou o periódico chinês The Global Times, editado em inglês.

Em alguns escritórios locais do governo os agendamentos estão para várias semanas após a entrada do pedido.
As redes sociais brincaram com as notícias dizendo que foram ” muito tempo junto” disse a BBC. A escritora chinesa, Lijia Zhang, declarou que é verdadeira a possibilidade “que os casamentos que sobreviveram à quarentena devem seguir mais fortes!”.
Esperamos em Deus, que o isolamento social no Brasil solidifique os casamentos para que as famílias possam enfrentar as dificuldades oriundas do coronavírus.

Fonte: BBC.Brasil/ https://www.bbc.com/portuguese/internacional-52012304

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *