Carnaval. Não se deixe enganar


Não Se Deixe Enganar: A Verdade Sobre a Folia de Momo – Queridos, que a graça e a paz do nosso Senhor estejam com todos vocês. ..

Não Se Deixe Enganar: A Verdade Sobre a Folia de Momo

Queridos, que a graça e a paz do nosso Senhor estejam com todos vocês. Hoje, quero compartilhar uma mensagem especialmente neste período em que o mundo se entrega às festividades do Carnaval, também conhecido como a Folia de Momo. O título deste sermão é “Não Se Deixe Enganar”, e convido a todos para refletirmos à luz da Palavra de Deus.

O apóstolo Paulo, em sua carta aos Efésios, capítulo 5, versículos 15 e 16, nos adverte: “Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, aproveitando bem cada oportunidade, porque os dias são maus.” Esta passagem é particularmente relevante quando consideramos a natureza do Carnaval e as armadilhas que ele pode representar para a vida cristã.

O Carnaval, historicamente e em sua prática contemporânea, promove excessos que estão em desacordo com os valores do Reino de Deus. A Bíblia nos chama à vigilância e à sobriedade, nos alertando contra as tentações que podem desviar nosso coração e mente dos caminhos do Senhor.

Em 1ª Pedro 5, verso 8, lemos: “Sede sóbrios, vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge, buscando a quem possa devorar.” Este versículo nos lembra que não devemos baixar a guarda, especialmente em tempos de festividades como o Carnaval, onde as tentações e os excessos estão em evidência.

A Folia de Momo, frequentemente, é caracterizada por comportamentos que glorificam os desejos da carne. Galatas 5, versos 19 a 21, nos adverte claramente sobre as obras da carne e as consequências de se entregar a elas. O Carnaval é um ambiente onde essas obras são não apenas praticadas, mas também celebradas.

Não se deixem enganar, amados irmãos e irmãs. O mundo pode tentar nos convencer de que certas práticas são inofensivas ou meramente culturais, mas devemos julgar todas as coisas à luz da Palavra de Deus. Como seguidores de Cristo, somos chamados a viver de forma diferente, a ser luz em meio às trevas, sal da terra, mostrando um caminho que honra a Deus e edifica a nossa fé.

Em Romanos 12, verso 2, somos exortados a não nos conformarmos com este mundo, mas a sermos transformados pela renovação da nossa mente, para que possamos experimentar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Este é um chamado para resistirmos às pressões culturais e sociais, mantendo nossos olhos fixos em Jesus, o autor e consumador da nossa fé.

Portanto, irmãos, neste período de Carnaval, encorajo cada um de vocês a buscar uma comunhão mais profunda com Deus, a dedicar tempo à oração, à leitura da Palavra e à comunhão com outros crentes. Que possamos usar este tempo não para a indulgência da carne, mas para o fortalecimento do espírito.

Queridos. Que o Senhor nos dê sabedoria, discernimento e fouça para viver de maneira que O agrade em todos os aspectos da nossa vida.

Que o amor compassivo de Deus o cerque, oferecendo-lhe proteção e amparo em tempos de dificuldade. Que a graça divina o conduza através de momentos de incerteza, revelando-lhe um caminho da luz. E que a misericórdia celeste seja a fouça que o levanta quando sentir fraqueza. Amém

Ministração. Reverendo Pinho Borges

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *