Ano Novo. Salário-mínimo novo.

Ano Novo. Salário-mínimo novo.

Ano Novo. Salário-mínimo novo. Entrou em vigor, no dia 1º de janeiro de 2022, o novo valor do Salário-Mínimo brasileiro, que passou de R$ 1.100,00 (Hum mil e cem reais) para R$ 1.212,00 (Hum mil duzentos e doze reais), após ser reajustado em de 10,18% ao mês.

O reajuste entrou em vigência após o Presidente Jair Bolsonaro assinar no dia 31 de dezembro de 2021, a Medida Provisória que trata do assunto.  O novo valor foi corrigido pelo Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC) estimado pelo Ministério da Economia.

Todos os anos há uma chuva de reclamações sobre o valor adotado e com justa razão, pois já é de muitos anos que o salário-mínimo vem perdendo o valor de compra.

Esse reajuste é do Governo Federal, mas os Estados da Federação também podem ter o seu próprio Salário-Mínimo, que pode ser maior que o valor fixado pelo Governo Federal, só não pode é ser inferior ao Piso Nacional.

Com o novo valor os idosos que recebem benefícios previdenciários terão os seus provimentos atualizados, assim como também os que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). O reajuste do Salário-mínimo é constitucional e não afeta o ajuste fiscal e nem o teto de gastos.  Apesar do Salário-mínimo já estar em vigor, o reajuste precisa ainda ser confirmado pelo Congresso Nacional, já que ele foi fixado por meio de uma Medida Provisória.

Fonte Agencia Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *