ADMINISTRE A JUSTIÇA

Carrousel, Reflexão

Não é bom ser parcial com o perverso, para torcer o direito contra os justos.” (Pv. 18,5)

Alguma vez o veredicto de um processo lhe foi desfavorável?
Você tinha certeza de que estava reclamando algo justo e, no entanto, prevaleceu a injustiça?
Nos tempos bíblicos, havia juízes que vendiam a justiça.
Havia testemunhas falsas que, por uma quantia de dinheiro, afirmavam o que nunca tinham visto.
Pessoas inocentes eram declaradas culpadas, e culpados eram inocentados.
Onde você vai buscar justiça quando os encarregados de administrá-la se compram e se vendem?
Faz justiça com suas próprias mãos?
Aceita passivamente os “erros” judiciais?
Ou reclama, esperneia e grita.
A administração errada da justiça pode gerar o caos social.
A advertência de Salomão não é por causa de um possível conflito social.
A expressão “não é bom”, com a qual começa o texto, repete-se muitas vezes no livro de Provérbios. Tem a ver com chamadas de atenção para encontrar o caminho da felicidade.
O propósito da Bíblia é ensinar.
Todos nós administramos justiça. De um modo ou de outro, em menor ou maior grau. Todos os dias estamos emitindo opiniões, influenciando, dando ou recebendo ordens. O pai em casa, o gerente na empresa, o chefe na fábrica etc. Cada dia precisamos ficar do lado do bem ou do mal. Não existe terreno neutro. Omitir-se é deixar de viver.
O conselho bíblico de hoje tem como objetivo levar o ser humano a alcançar a paz interior.
Não existe melhor comprimido para dormir do que a satisfação do dever cumprido e a voz da consciência aprovando as decisões.
Seja uma pessoa justo. Permita que Jesus e seus valores espirituais habitem no seu coração. Jesus abre os olhos para ver o que outros não vêem. Ele ilumina a mente e o coração, inspira e dá sabedoria. Ninguém foi a Ele e voltou frustrado. Seja firme. Tome posições.
A chave do fracasso é tentar agradar a todo o mundo. Não é isso que Deus nem as pessoas esperam de você. Não é desse modo que você terá paz no coração.
Hoje é um novo dia. Olhe para sua família à sua volta. Administre a justiça entre eles com sabedoria.
E lembre-se: “Não é bom ser parcial com o perverso, para torcer o direito contra os justos.”

 

Deixe uma resposta