A Verdadeira Felicidade: É viver segundo o Salmo 1º

Queridos. Hoje vamos refletir na Palavra de Deus para no salmo que nos apresenta um caminho de vida abençoado e cheio de significado: o Salmo 1º…

Queridos. Hoje vamos refletir na Palavra de Deus para no salmo que nos apresenta um caminho de vida abençoado e cheio de significado: o Salmo 1º. Este salmo é como uma porta de entrada para os Salmos, pois estabelece os fundamentos da vida piedosa e abençoada. Vamos mergulhar nessa preciosidade das Escrituras e aprender como alcançar a verdadeira felicidade vivendo segundo os princípios divinos delineados neste salmo.

A Felicidade do Justo. O Salmo 1º começa nos apresentando uma imagem poderosa: “Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores”. A felicidade genuína não é encontrada na busca desenfreada pelo prazer ou no alinhamento com os valores do mundo, mas sim na obediência aos preceitos de Deus. Ser verdadeiramente feliz implica em desviar-se do caminho do pecado e da influência dos ímpios.

A Delícia na Lei do Senhor. O Salmo continua revelando o segredo da verdadeira felicidade: “Antes, o seu prazer está na lei do Senhor, e na sua lei medita dia e noite”. Aqui, somos lembrados da importância de nos deleitarmos na Palavra de Deus. Não é apenas uma questão de obedecer, mas de encontrar alegria e prazer na comunhão com o Senhor através do estudo constante das Escrituras. A verdadeira felicidade é encontrada na intimidade com Deus e na absorção de Sua Palavra.

A Estabilidade do Justo. O Salmo continua retratando o resultado da vida daqueles que se deleitam na lei do Senhor: “Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem-sucedido”.  Assim como uma árvore firmemente enraizada e constantemente alimentada pelas águas, o justo é sustentado pela presença e provisão de Deus. Sua vida é caracterizada pela estabilidade, frutificação e sucesso sob a orientação divina.

A Destinação dos Ímpios. O contraste entre a vida do justo e a dos ímpios é claramente delineado no Salmo. Enquanto o justo floresce como uma árvore, os ímpios são como palha levada pelo vento. Eles não têm fundamento, nem estabilidade, e no dia do juízo, perecerão diante da justiça de Deus. Este é um lembrete solene de que a verdadeira felicidade só pode ser encontrada no caminho da retidão, não na senda da maldade.

Queridos. O Salmo 1º nos apresenta um convite à verdadeira felicidade, que está enraizada na obediência e no relacionamento com Deus. Que possamos meditar constantemente na Palavra do Senhor, deleitando-nos em Sua lei, para que sejamos como árvores plantadas junto às correntes de água, frutificando em todas as estações da vida. Que rejeitemos as influências do mundo e nos voltemos para os caminhos do Senhor, encontrando assim a verdadeira felicidade que só Ele pode oferecer. Que este salmo nos guie em nossa jornada espiritual, nos conduzindo à bendita presença de Deus e à alegria eterna em Sua companhia, amém.

Ministração Rev. Pinho Borges

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *