A tônica da vida

A tônica da vida

Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, alegrai-vos. Fl. 4,4. –Um dos dramas sociais do Brasil são os moradores de ruas. São crianças, pré-idosos e idosos que ocupam diversos espaços públicos por não terem onde morar.

A razão pela qual uma pessoa a morar na rua está em diversos fatores como pobreza, abandono familiar, desemprego, desajuste social ou psicológico. Para muitos deles não há mais sonhos ou não tem mais esperança de dias melhores. São os verdadeiros “SEM”. Sem comida, sem teto, sem roupa, sem cidadania. Impressiona-me a capacidade de adaptação à fome, ao frio, a falta de higiene, etc., vive sem nenhum conforto.

Com certeza muitos deles não estão alegres no Senhor. Mas, há pessoas em nossas Igrejas que vivem de maneira confortável e, do ponto de vista material, possuem tudo o que desejam. Mas não são felizes e gratas a Deus. Estão sempre reclamando de tudo e não demonstram gratidão pelas bênçãos recebidas.

Por outro lado, há pessoas que teriam reais motivos para se queixarem e são as que mais honram a Deus com seus lábios, demonstrando gratidão e louvando-O, mesmo em circunstâncias adversas.

Tomando por exemplo o apóstolo Paulo. Ele nos aconselha a nos alegrar sempre no Senhor. Paulo tinha motivos de sobra para reclamar da vida, por causa dos sofrimentos e provações a que foi submetido (2Co 11,24-27).

Quem já enfrentou tantas dificuldades? Na prisão, Paulo, perdeu a liberdade, mas não a esperança, na sombria e úmida prisão, escreveu para cada um de nós: “Alegrai-vos sempre no Senhor” (Fp 4,4).

Hoje milhões de pessoas vão dormir com fome, outros dormirão nas ruas por não ter um teto para se abrigar, e muitos sentirão o frio da noite por não ter cobertores para aquecer o corpo.

Queridos. Com certeza você não está entre estes. Então, aprenda a contar as bênçãos. E que a alegria no Senhor seja uma tônica em sua vida. Alegre-se sempre no Senhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *